Preo dos carros eltricos deve se “equalizar gradativamente” nos prximos anos, prev analista

[ad_1]

Na última sexta-feira (24), o diretor de pesquisa da Counterpoint Research, Richard Windsor, realizou um discurso abordando como tema “Tendências e Ecologia do Mercado de Eletrônicos Automotivos do Futuro”, assunto que vem sendo amplamente discutido conforme o segmento de carros elétricos avança.

Durante a fala, Windsor mencionou suas expectativas para o desenvolvimento dos automóveis elétricos nas próximas duas décadas, sendo esperado que a demanda global por veículos reduza pelo menos 65%, afirmação ousada dado que os crescentes investimentos nesse setor.


Motorista instala antena Starlink em Tesla Model X e desempenho da internet surpreende




Tech
23 Dez



Honda Civic Type R ser




Economia e mercado
24 Dez


Segundo ele, no futuro é possível que as montadoras de veículos elétricos de menor porte firmem parcerias com empresas maiores de modo a garantir uma cooperação mútua nesse segmento do mercado, mantendo uma concorrência de quatro ou cinco marcas voltadas a categoria sustentável.

O executivo também comentou sua previsão quanto ao preço cobrado pelos modelos elétricos, que atualmente custam bem mais caro que os automóveis a combustão. Ele acredita que os valores irão se “equalizar gradativamente” entre essas duas categorias de veículos, fator que depende da expansão do mercado e de investimentos nesse setor.


Um dos pontos que deve contribuir para o crescimento dos carros elétricos é a durabilidade dos automóveis, característica comentada por Elon Musk, CEO da Tesla, ao afirmar que a capacidade da bateria reduz para 20% após uma distância percorrida de aproximadamente 805 mil quilômetros.

Além da Tesla, outras montadoras também estão aderindo ao formato de carros elétricos, como a BMW e Mercedes, que têm planos de expandirem suas opções ecologicamente sustentáveis ainda nos próximos anos.

Você acredita no futuro dos veículos elétricos? Conta pra gente, comente!

[ad_2]

Source link

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*